Menu

8ª Plenária DAF no Sebrae/MG

O diretor Administrativo e Financeiro do Sebrae Nacional, Eduardo Diogo, explicou que na reunião da DAF, foi feito um balanço das atividades desenvolvidas em 2019 e planos para serem executados no próximo ano. “Fizemos em Belo Horizonte nossa oitava plenária, quando completamos sete meses e meio de gestão. Reunimos todos os diretores do Brasil para discutir vários temas, como o novo modelo da Universidade Sebrae, a Central de Serviços Compartilhados e o Sebraedata, que permitirá novos modelos de pesquisa e gerenciamento de fornecedores”, afirmou o diretor.

“É uma nova mentalidade dentro da organização, um novo Sebrae, dentro do contexto daquilo que discutimos, com esse DNA coletivo em todo o Brasil”, ressaltou Eduardo Diogo. “O ano de 2019 foi o de plantar. Já colhemos, mas vamos colher muito mais de 2020 para a frente”, acrescentou o diretor.

“Foi muito agradável ver todos os diretores de todo o país em Belo Horizonte”, afirmou o presidente do Conselho Deliberativo do Sebrae em Minas Gerais, Roberto Simões. “É isso que o Sebrae faz e por isso não merece o tratamento que vem recebendo”, observou ele, se referindo ao corte de recursos que a instituição corre o risco de ter com a Medida Provisória 907, que transfere a verba para a Embratur.

O Encontro foi integralmente transmitido pelo Workplace e pode ser acessado pelo perfil da UGM.