Menu

Dirigentes do Sistema Sebrae discutem cenário para 2022

Salvador foi o local escolhido para a última reunião do ano da Associação Brasileira dos Sebrae Estaduais (Abase), que foi iniciada na manhã da quinta-feira (9) e segue com o Encontro de Dirigentes do Sistema Sebrae nesta sexta-feira (10), na sede do Sebrae Bahia, no bairro do Costa Azul, na capital baiana.

Os dirigentes do Sistema Sebrae foram recepcionados pelos anfitriões do evento, Jorge Khoury, superintendente, Franklin Santos, diretor técnico, e José Cabral, diretor de administração finanças, que integram a diretoria executiva da instituição na Bahia. O encontro conta ainda com a presença do presidente do Sebrae Nacional, Carlos Melles, que, durante a manhã, cumpriu agenda de entrevistas com a imprensa local.

Nos dois dias, serão discutidos temas de interesse do Sebrae nos estados, bem como as perspectivas para o ano de 2022. O presidente da Abase, Cláudio Mendonça, que é superintendente do Sebrae Mato Grosso do Sul, destacou que 2021 já foi um ano desafiador, mas que possibilitou a instituição sair ainda mais forte. “O Sebrae se fortalece e vamos continuar trabalhando para fazer o Brasil mais forte”.

Ele ressaltou as principais ações realizadas em 2021, entre as quais os 70 encontros que ocorreram ao longo do ano, eventos focados em economia criativa e seminários internacionais.

O dirigente reforçou ainda o papel de articulação política junto ao Congresso, para a aprovação de projetos de interesse do Sebrae e da micro e pequena empresa, a exemplo do Pronampe. “Esse processo fortaleceu a relação entre o Sebrae nos estados junto com os representantes no Congresso”.

Complementando a fala do presidente da Abase, o superintendente do Sebrae Bahia, Jorge Khoury, destacou que, apesar das dificuldades, cada estado soube conduzir as ações da melhor forma, levando em conta as diferentes realidades. “Tivemos dificuldades que foram além do normal, em razão da pandemia. Fizemos o que foi possível e, agora, é importante avaliar o que podemos melhorar e seguir realizando com toda a energia”.

Claudio Mendonça enfatizou ainda a aprovação das contas da Abase, sem ressalvas, pelo Conselho Fiscal. Coube ao diretor de Administração e Finanças do Sebrae Bahia, José Cabral, que integra o Conselho Fiscal da Abase, a apresentação da prestação de contas da entidade. “Investimos os recursos no que era mais relevante para os nossos associados. Nossa entidade tem uma saúde financeira muita boa e podemos garantir atender às demandas futuras”, apontou.

Já o diretor técnico, Franklin Santos, reiterou a importância do encontro para que fossem abordados os temas que permitam aprimoramento nas ações do Sebrae. “É fundamental que os estados usem as suas próprias instâncias de discussões para pautar o Sebrae Nacional com as questões mais importantes dentro de nossas realidades”, pontuou.

Programação

Ainda na quinta-feira, na parte da tarde, a programação conta com a presença da diretoria do Sebrae Nacional e dos Conselhos Deliberativos Estadual e Nacional. Na ocasião, será apresentado o balanço do Sistema Sebrae dos anos de 2019, 2020 e 2021, com ações, resultados, processos e recursos.

Na sexta-feira (10), será apresentado o planejamento do Sistema Sebrae para 2022. Os dirigentes participam ainda de uma dinâmica para refletir sobre desafios, prioridades, monitoramento e medidas de gestão. No fim da tarde, será inaugurada a nova agência de atendimento do Sebrae Bahia, no mesmo prédio, no bairro do Costa Azul.

 

Fonte: https://conexao.sebrae.com.br/internal/#/news/28280